Representatividade - Queremos nos ver

19:43


A imagem acima é de um catálogo de ofertas da Drogaria Rosário. Aqui em Brasília é uma das maiores redes de farmácia - não sei em outros lugares -  e qual não foi minha surpresa quando vi um senhor sorrindo para a foto. O mesmo me chamou e disse: "Olha! Parece com você!"
Eh.... Então, não. Entendi que naquele momento eu poderia meter a ativista e dizer "Não, vô, não se parece comigo. Ela é linda, mas não tem nada a ver." Só que na hora sorri, e disse "É?" e voltei a aguardar pelo meu Tylenol Sinus. Por que eu não disse nada? Primeiro, era um vovô. Segundo, ele parecia ter achado genial ter uma negra sorridente na primeira página. Terceiro, isso é algo novo.
Pensa aí, quantos comerciais, propagandas, filmes tem mulheres negras como protagonista?
Calma, Brasileiras e Brasileiros, o buraco é mais embaixo (agora pode chorar). E quando há protagonistas negras , mas as mesmas são colocadas como segundo ou terceiro plano?!
Essa sou eu!
Quem ficou sabendo que fizerem um remake do musical clássico Annie? Em que o Jamie Foxx tinha papel importante? E a protagonista é uma menina negra também? Pois é, olha como eram vistas as principais campanhas de roupas da marca espalhadas pela rede americana Target (uma loja tipo a nossa Lojas Americanas):
Cadê a personagem principal? Cadê as meninas negras?
O poster do musical
Só que não para por aí a bizarrice nos EUA... Lembra o filme Home -  Cada um na sua casa que contei pra vocês AQUI? De novo, personagem principal negra, dublada por RiRi e as propagandas do filme não tem  a imagem da menininha vinculada! Agora sim, pasmem, nas áreas onde a população majoritariamente é negra os outdoors tinham a bonequinha.




À esquerda outdoor em área nobre, à direita em área de bairros negros.


Opa, ainda tem mais pra chocar. Me digam, quem eram personagens principais do filme 12 anos de escravidão? Brad Pitt e Michael Fassbender? É o que pareceu nos cartazes de países europeus. Eu jurava que era o Chiwetel Ejiofor e a Lupita Nyong'o! 


Cruzes, cansei de dar notícia ruim. Chega! Vamos falar de coisa boa - não, não vou falar de TecPix.
Vocês se lembram da campanha da Farm que celebrava a Iemanjá com modelos brancas? Veja mais AQUI. Nós negros batucamos, reclamos e a marca ouviu. Se conscientizou e criou uma coleção linda de viver que contou com modelos negras de cabelo crespo. Eu comemorei e muito! Claro, adoro a Farm, só queria ser rica para comprar sempre. Quero continuar vendo modelos negras em toda e qualquer campanha, hein?!
Só acho que preciso desta regata à direita
E quanto orgulho senti ao vir Lupita e minha favorite singer ever ,Janelle Monáe como musas das marcas de cosméticos L'ancome e Covergirl.

Vejo isso como vitória de algumas batalhas, mas a guerra, baby... Ah a guerra continua. Espero e torço pelo dia em que nossas crianças se vejam em seus brinquedos em qualquer loja de brinquedo. Não só em bonecas por encomenda, internet ou lojas gringas. Anseio pelo dia em que uma negra na capa da revista não seja um espanto para um vovô ou para um novinho, sabe?
É isso. E vocês? Aonde viram ou vêem propagandas, filmes com a nossa negritude estampada de forma escancarada?

Beijos,
Polly

Now Playing: Kendrick Lamar - The Blacker The Berry





You Might Also Like

0 comentários

recent posts

Like us on Facebook

Popular Posts